Literatura Brasileira no Exterior: O Novo Brasilianista
em 28/08/2013

Na terceira pesquisa lançada pelo Conexões Itaú Cultural dentro da chave Movimentos Atuais da Literatura Brasileira João Cezar de Castro Rocha, professor associado de literatura comparada da UERJ, propõe um diagnóstico atual da pesquisa em literatura brasileira produzida em universidades no exterior.

A partir do banco de dados do mapeamento, João Cezar de Castro Rocha, professor, ensaísta e consultor do programa, aponta em neste seu trabalho quatro pontos: “a ampliação do conceito de literatura, a fim de abranger manifestações da cultura audiovisual e digital; uma tendência, sobretudo nos Estados Unidos, de valorização de estudos de literatura comparada, correspondendo ao esforço de criação de um perfil mais completo de “latino-americanista”; a necessidade de rever o conceito de “brasilianista”; a importância do banco de dados como diagnóstico potencial do momento presente.”

João Cezar também recorre à investigação de Laeticia Jensen Eble sobre a produção acadêmica realizada dentro do Brasil, publicada aqui na semana passada. Comparando dados obtidos através das duas fontes (no caso da pesquisa de Laeticia a Plataforma Lattes) João Cezar aponta diferenças reveladoras entre os interesses na literatura brasileira dentro e fora do país.

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.