Encontros de Interrogação em Análise
em 23/09/2013

Ocorrendo de forma concomitante e complementar ao V Conexões Itaú Cultural em novembro de 2012, o 7º Encontros de Interrogação propôs uma série de debates sob o tema do Risco na Literatura e teve a curadoria de Noemi Jaffe.

 O escritor e professor de línguas e literatura na Universidade de San Andrés (Argentina) Álvaro Fernández Bravo, desenvolveu uma observação sobre o tema do evento. Para além dos riscos subjetivos que autores correm no momento de escrita e exposição da obra, Bravo comenta os riscos do mercado literário: o problema do valor; o papel das editoras, do Estado e do capital privado; a revisão de noções como crítica e história e a internacionalização de culturas literárias.

No ensaio Conectar e Interrogar, Mario Hélio Gomes, escritor e coordenador da Fliporto (Festa Literária Internacional de Pernambuco), discorre sobre algumas possíveis e inevitáveis relações entre literatura e sociedade: as questões de classe, o vazio do escritor e a melancolia do fracasso em potencial.

Veja aqui a cobertura completa das mesas do Encontros de Interrogação 2012.

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.