Depoimento: Rubens Figueiredo
em 11/11/2011

Neste depoimento, o escritor, professor e tradutor carioca Rubens Figueiredo é taxativo: “quando chego ao ponto de achar que vale a pena escrever um livro, é porque estou diante de algum problema que vale a pena ser explorado”. O que procura, afirma, é tratar criticamente o mundo em que vivemos, imprimir uma visão generalizadora às coisas a partir de situações localizadas no contemporâneo. Uma questão que discute, e que é recorrente em suas falas, é o conformismo em que a literatura contemporânea se enreda, a submissão ao poder que se dá a ver em suas escolhas.

 

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.