João Cezar de Castro Rocha fala sobre os caminhos da crítica
em 18/04/2013

Em perfil para o jornal paulista Valor Econômico, assinado por José Castello, publicado no último dia 12, o professor universitário e crítico literário João Cezar de Castro Rocha, consultor do Conexões Itaú Cultural, comenta as possibilidades da crítica literária atual e dos caminhos para se entender a literatura brasileira. “A circunstância contemporânea é inédita, pois há um fenômeno literário que pouco a pouco se torna um agente atuante no espaço público”, afirma.

Rocha também fala de seu processo criativo, da maneira como se articula, entre a rua e o gabinete acadêmico. “Penso melhor caminhando; daí faço longas caminhadas enquanto organizo minhas ideias”, conta. O crítico tem se destacado por manter produção ativa tanto no meio acadêmico, quanto na imprensa, em debates, entre outros. “Professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UERJ) e, por formação, um típico intelectual da academia, João Cezar de Castro Rocha, de 48 anos, é um crítico literário que não foge do presente e das circunstâncias. Entre seus pares da universidade, ele se destaca por sua posição independente e voltada para o mundo exterior. Não se contenta com o universo fechado da academia e se lança, com determinação e entusiasmo, na vida cultural”, escreve José Castello na abertura de seu perfil. Para ler o texto na íntegra, acesse aqui.

Assista abaixo vídeos com o professor em duas atividades do Itaú Cultural.

Entrevista de João Cezar de Castro Rocha para o programa Jogo de Ideias (2007)

 

Debate Crítica como Intercâmbio Cultural, no II Seminário Internacional de Crítica Literária (2011)

 

 

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.