Novos Mapeados pelo Conexões Itaú Cultural
em 18/09/2014

Conheça mais 05 profissionais que atuam na difusão da literatura brasileira no exterior.

 

Saulo Neiva (Brasil 1966) é professor e pesquisador do Centre de Recherches sur les Littératures et la Sociopoétique da Université Blaise-Pascal (França), além de tradutor. Pesquisa, entre outros assuntos, relações da Europa com o mundo lusófono e gêneros literários. Atualmente, dedica-se à tradução do livro Várias histórias, de Machado de Assis, para o francês.

Victoria Livingstone (Inglaterra 1977) é pesquisadora da Boston University (EUA), além de tradutora. Desenvolve tese de doutorado sobre tradução da literatura brasileira nos EUA no século XX, em especial a obra de Guimarães Rosa.

Flora Thomson-DeVeaux (Estados Unidos 1991) é pesquisadora da Brown University (EUA) e tradutora. Desenvolve projeto sobre relações culturais entre Argentina e Brasil e sobre literatura brasileira em tradução.

Alejandra Josiowicz (Argentina 1981) é professora e pesquisadora da Rutgers University (EUA). Especialista em estudos sobre a infância e em literatura infantil latino-americana, tem como temas de pesquisa representações das mulheres e da infância, história da leitura, história da vida privada, teorizações do modernismo, psicanálise, teoria literária, história cultural da educação e história intelectual.

Rodrigo Lopes de Barros (Brasil 1982) é professor e pesquisador da Boston University (EUA). Especialista em estudos brasileiros e caribenhos, tem como temas de pesquisa relações entre etnografia e literatura; teoria da modernidade na América Latina; e cinema de vanguarda e arte contemporânea em Cuba e no Brasil. Faz parte do conselho editorial da editora Cultura e Barbárie, onde atua também como tradutor de obras para o português.

Agora nosso Banco de Dados conta com 315 mapeados.

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.