A poesia brasileira nos EUA, na visão de Hilary Kaplan
em 15/09/2015

A pesquisadora, tradutora, escritora e crítica literária norte-americana Hilary Kaplan esteve no Brasil para o Encontro Conexões Itaú Cultural de 2014. Na ocasião, gravou este depoimento em vídeo para o projeto.
Kaplan entende ser uma das tarefas do poeta conhecer seus contemporâneos e traduzi-los, daí a proximidade com a poesia brasileira. Ela fala da recepção da poesia brasileira nos Estados Unidos e de seus campos de interesse, que são as mulheres e os negros, aquelas vozes que foram silenciados por mais tempo na literatura brasileira. A pesquisadora destaca que, nos Estados Unidos, a forma de acesso mais comum à língua portuguesa é por meio da música. Considera o número de traduções literárias muito pequeno e, embora esteja aumentando, tem muito a crescer (em poesia, por exemplo).
Sobre bolsas de incentivo da Fundação Biblioteca Nacional, acredita serem fundamentais. Especialmente porque nos EUA é muito difícil o acesso a este tipo de incentivo. Também comenta a boa receptividade que teve pela comunidade brasileira de poesia e como isso afeta positivamente o diálogo entre artistas dos dois países.
Assista outros vídeos do Conexões Itaú Cultural nesta playlist.

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.