guyglodis learningwarereviews humanscaleseating Cheap NFL Jerseys Cheap Jerseys Wholesale NFL Jerseys arizonacardinalsjerseyspop cheapjerseysbands.com cheapjerseyslan.com cheapjerseysband.com cheapjerseysgest.com cheapjerseysgests.com cheapnfljerseysbands.com cheapnfljerseyslan.com cheapnfljerseysband.com cheapnfljerseysgest.com cheapnfljerseysgests.com wholesalenfljerseysbands.com wholesalenfljerseyslan.com wholesalenfljerseysband.com wholesalenfljerseysgest.com wholesalenfljerseysgests.com wholesalejerseysbands.com wholesalejerseyslan.com wholesalejerseysband.com wholesalejerseysgest.com wholesalejerseysgests.com atlantafalconsjerseyspop baltimoreravensjerseyspop buffalobillsjerseyspop carolinapanthersjerseyspop chicagobearsjerseyspop cincinnatibengalsjerseyspop clevelandbrownsjerseyspop dallascowboysjerseyspop denverbroncosjerseyspop detroitlionsjerseyspop greenbaypackersjerseyspop houstontexansjerseyspop indianapoliscoltsjerseyspop jacksonvillejaguarsjerseyspop kansascitychiefsjerseyspop miamidolphinsjerseyspop minnesotavikingsjerseyspop newenglandpatriotsjerseyspop neworleanssaintsjerseyspop newyorkgiantsjerseyspop newyorkjetsjerseyspop oaklandraidersjerseyspop philadelphiaeaglesjerseyspop pittsburghsteelersjerseyspop sandiegochargersjerseyspop sanfrancisco49ersjerseyspop seattleseahawksjerseyspop losangelesramsjerseyspop tampabaybuccaneersjerseyspop tennesseetitansjerseyspop washingtonredskinsjerseyspop
Retraduzindo Grande Sertão: Veredas – Encontro Conexões (áudio)
em 14/03/2017

Com as presenças de dois tradutores, a australiana Alison Entrekin e o alemão Berthold Zilly, e a curadora do Arquivo João Guimarães Rosa do Instituto de Estudos Brasileiros (USP), a professora Sandra Vasconcelos, sob mediação do antropólogo e jornalista Felipe Lindoso, a mesa A tradução de Grande Sertão: Veredas abriu a edição 2016 do Encontro Internacional Conexões Itaú Cultural.


A seguir, o registro em áudio da mesa. Leia mais abaixo o relato da produtora cultural Fernanda Guimarães, também pesquisadora do Conexões.



“Traduzir é muito perigoso. Retraduzir, então, é duplamente perigoso”. Evocando uma das mais conhecidas frases de Grande Sertão: Veredas, Felipe Lindoso deu início à primeira mesa do 9º Encontro Internacional Conexões Itaú Cultural, que tratava das novas traduções para alemão e inglês do romance de Guimarães Rosa.


Logo antes, ao abrir o encontro, o jornalista Claudiney Ferreira, gerente de Audiovisual e Literatura do Itaú Cultural – núcleo responsável pelo programa Conexões –, anunciou o apoio do Itaú Cultural à nova tradução de Grande Sertão: Veredas para o inglês, projeto a ser empreendido por Alison Entrekin pelos próximos três anos. Além da tradução, haverá a produção de um registro audiovisual e a organização de encontros em torno de temas propostos pela tradutora para, ao final, ser debatido o próprio significado do projeto.


Apresentando Alison Entrekin, reconhecida tradutora australiana e mapeada do projeto Conexões, Lindoso mencionou a controvérsia em torno da primeira tradução para o inglês de Grande Sertão: Veredas, em que Riobaldo foi transformado em caubói.


Entrekin narrou a “saga” do projeto até ali, começando pela encomenda de um teste de tradução do romance pela agência literária que representa os herdeiros de Guimarães Rosa – que lhe custou três semanas para traduzir três páginas –, passando pelas tentativas de viabilizar o projeto, com as dificuldades de dimensioná-lo, até a publicação de um trecho do teste de tradução no Words without borders, à qual se seguiu a confirmação do apoio pelo Itaú Cultural.


A tradutora australiana Alison Entrekin


Berthold Zilly, professor, pesquisador e tradutor alemão, também mapeado do Conexões, exibiu uma tabela com as traduções já feitas de Grande Sertão: Veredas, comparando apenas as três primeiras linhas do original com nove traduções em cinco idiomas diferentes, mostrando como praticamente nenhum daqueles trabalhos respeitou Rosa na sua indeterminação. Seria fundamental, afirmou Zilly, traduzir a oralidade, os silêncios, as lacunas lógicas – fazer a transcriação, à maneira de Haroldo de Campos.


O tradutor alemão Berthold Zilly


Sandra Vasconcelos, curadora do Arquivo João Guimarães Rosa (IEB-USP), falou da existência de mais de 120 cartas trocadas entre Rosa e Harriet de Onis, que iniciou a tradução de Grande Sertão: Veredas para o inglês. O desejo de chocar o leitor, tirá-lo da passividade e da inércia, é explicitado nessa correspondência. Quando as traduções começaram a ser feitas, Rosa já era consagrado no Brasil e se interessava pela circulação da obra, em especial nos EUA. A recepção norte-americana foi boa, mas os críticos que de alguma forma conheciam o original apontavam para a perda da poesia.


A professora Sandra Vasconcelos


Entrekin e Zilly convergiram quanto à necessidade de o tradutor ser intérprete da criação, assumir uma função autoral do livro, ao mesmo tempo colocando-se a serviço do original, respeitando-o. Se retraduzir é duplamente perigoso, estes dois tradutores parecem duplamente preparados para a travessia.


O mediador, o antropólogo Felipe Lindoso


Crédito das fotos: Agência Ophelia

 


Leia mais sobre a 9ª edição do Encontro Internacional Conexões Itaú Cultural


Assista a uma entrevista com Alison Entrekin sobre o desafio de retraduzir Grande Sertão:Veredas

Deixe um comentário

*Campos obrigatórios. Seu e-mail nunca será publicado ou compartilhado.